Tudo o que vem à rede é peixe

13
Jan 11

António de Sousa Marinho e Pinto (Amarante, 10 de Setembro de 1950) é um advogado português.

Licenciado em Direito, iniciou a sua carreira no jornalismo, tendo exercido funções de direcção na ANOP - Agência Noticiosa Portuguesa, entre 1979 e 1986, e depois na Lusa, entre 1984 e 1987. Foi assessor do Governo de Macau, entre 1987 e 1988, e voltou ao jornalismo, como redactor do Expresso, de 1989 a 2006. Leccionou, como assistente convidado, no Instituto Politécnico de Coimbra, entre 1994 e 1995, na Universidade de Aveiro, até 2002, director da Pós-Graduação em Jornalismo Judiciário da Universidade Lusófona, em 2001, e professor auxiliar convidado na licenciatura em Jornalismo da Universidade de Coimbra, de 2005 a 2008[1].

Activista contra a ditadura, foi membro do MDE - Movimento Democrático Estudantil, esteve preso pela PIDE, de Fevereiro a Abril de 1971, e foi membro executivo da Comissão Pró-Reabertura da Associação Académica de Coimbra, em 1973. Pela mesma altura chegou a aderir à Juventude Comunista Portuguesa[2]. Mais tarde seria designado membro da Comissão Nacional para a Liberdade de Informação, em 1978, e eleito para a Direcção do Sindicato dos Jornalistas, em 1986. Na Ordem dos Advogados foi membro do Conselho Geral e presidente da Comissão de Direitos Humanos, entre 2002 e 2003. Em 2007 foi eleito o 24.º bastonário da Ordem[3], sendo reeleito em 2010. Proferiu várias conferências, assinou artigos no Expresso, no Boletim da Ordem dos Advogados, no Diário de Coimbra e publicou os livros As faces da Justiça, em 2003, Dura Lex - retratos da Justiça portuguesa, em 2007, e Um combate desigual, em 2010.

 

fonte: Wikipédia, a enciclopédia livre.

 

Vídeos de Marinho Pinto (Youtube)

 

Ouvir Podcast PANO PARA MANGAS 2011/01/13

publicado por RiViPi às 16:22

01
Jun 09

Sete belas figuras a que nos habituámos a ver sempre maquilhadas tiraram a pintura e, de cara lavada, fizeram auto-retratos surpreendentes.

publicado por RiViPi às 02:40

25
Mai 09

Francisco Alves Mendes, mais conhecido como Chico Mendes, nasceu no mês de dezembro de 1944  numa povoaçāo da floresta amazónica chamada Seringal. O seu pai ganhava a vida  como seringueiro, isto é, extraindo latex das árvores da borracha.

Aos nove anos Chico começou a trabalhar na floresta com seu pai porque os donos da terra nāo permitiam ter escolas. Chico não pôde  aprender a ler até aos vinte anos de idade.

 

Trabalhou para a melhoria das condiçōes de vida dos trabalhadores da Amazónia e criou o Sindicato dos Trabalhadores Rurais. Também lutou, com a resistência pacífica, contra os poderosos donos de terra: madereiros, seringais e fazendas de gado.

 

Nessa época recebeu as primeiras ameaças de morte por parte dos fazendeiros. Foi acusado de subversāo, detido e torturado secretamente, mas foi absolvido por falta de provas. É preciso ter em conta que no Brasil governava uma ditadura militar.

Convertido em simbolo da luta para defender os povos da floresta, Chico Mendes recebeu a visita dos membros da UNEP ( Organizaçao das Naçōes Unidas para defesa do meio ambiente. Foi convidado a fazer denúncias no Congresso norteamericano em Washington. O resultado dessa viagem foi imediato: os financiamentos dos desmatamentos na floresta foram suspensos.

 

Recebeou reconhecímento e vários prémios em todo o mundo pela sua defesa da ecologia.

Pouco mais de um ano após a sua viagem aos Estados Unidos, acabava de completar 44 anos, quando foi assasinado na porta da sua casa.

Em 1990, o fazendeiro Darly Alves e seu filho Derli, foram julgados e condenados a 19 anos de prisāo, pela morte de Chico Mendes.

 

 

Como disse Chico “ No começo pensavam que estivesse lutando para salvar seringueiras, depois pensavam que estava lutando para salvar a Floresta Amazônica. Agora, percebo que estou lutando pela humanidade”

( copiado literalmente)

 

David Paniego Ballesteros (Aprendente de Português Língua Estrangeira):  dapaba@gmail.com

 

publicado por RiViPi às 20:35

04
Mar 09

Esta é, em resumo, a façanha de Raoul Wallenberg:

Este diplomata sueco (também arquitecto e empresário), com sucesso profissional e pessoal (a sua namorada era actriz de cinema), tinha quase 32 anos quando foi enviado, por vontade própria, a Budapest por organizações judaicas dos Estados Unidos numa missão de alto risco para resgatar o maior número possível de judeus.

 

Ele fez assim um caminho sem reviravolta.

 

Pouco depois de chegar foi vigiado e perseguido pelas autoridades nazis de ocupação. Morava cada noite numa casa diferente para não ser localizado. Durante o dia a sua actividade era frenética. Dedicava-se a procurar refúgios aos perseguidos e a dar-lhes documentos de identidade suecos. Com ajuda de outros diplomatas estrangeiros, entre eles o embaixador espanhol Sanz Briz, arriscava a sua vida cada dia; salvando mesmo muitas pessoas no último minuto dos comboios que iam para os campos de extermínio.

 

Assim conseguiram salvar milhares de vidas até o 17 de Janeiro de 1945, quando as tropas soviéticas libertaram Budapest. No entanto, inexplicavelmente, foi detido e desapareceu até hoje em dia.

 

A Fundação Internacional Raoul Wallenberg honra a sua memória e lembra a sua vida ao serviço da humanidade como exemplo para as gerações futuras. Actualmente, uma campanha internacional recolhe assinaturas em todo o mundo - até hoje, por volta de 80.000 - para exigir das autoridades  russas uma pesquisa profunda sobre o desaparecimento dele.

 

Uma lápide sobre a tumba de Aristides de Sousa Mendes (herói português na França ocupada e salvador de muitas vidas) com as palavras do Talmud "Quem salva uma vida, salva o mundo" - embora R.W. tenha perdido a sua - resume a vida destes chamados, pela comunidade judaica "Justos entre as nações", e os seus nomes estão representados pelas árvores plantadas em sua memória  no Museu do Holocausto (Yad Vashem) em Jerusalem.

David P. B., aprendente de português língua estrangeira (Nível Elementar)
Texto corrigido

 


14
Jan 09

CRAQUE PORTUGUÊS CONFIRMA AMPLO FAVORITISMO

Cristiano Ronaldo é o Melhor Jogador do Mundo de 2008 (FIFA World Player Award). Esta segunda-feira, na Gala do organismo realizada na Opera House de Zurique (Suíça), o craque português superou toda a concorrência e recebeu das mãos de Pelé o prémio individual mais cobiçado por um futebolista.

Para o jogador do Manchester United, que era o franco favorito, a escolha do FIFA World Player é o culminar de uma época em que arrebatou todos os principais prémios, com particular destaque para a Bola de Ouro da revista "France Football" e para o prémio da FIFpro (Associação Mundial de Jogadores Profissionais). O jogador português também conquistou a Bota de Ouro, como o melhor marcador dos campeonatos nacionais europeus.

É a segunda vez que um futebolista português arrebata o prémio de Melhor Jogador do Mundo da FIFA, depois de Luís Figo, em 2001, ter recebido a mesma distinção.

Como já acontecera em 2007, o argentino Lionel Messi, do Barcelona, terminou no segundo lugar, com o espanhol Fernando Torres, do Liverpool, a completar o pódio dos melhores do ano passado. Kaká (vencedor da distinção em 2007) e Xavi eram os outros jogadores nomeados.

A brasileira Marta também confirmou o seu favoritismo e, pela terceira vez, foi distinguida como a melhor jogadora de 2008.

Na Gala da FIFA, outro português, Madjer, recebeu a Bota de Ouro por ter sido o melhor marcador do último Campeonato do Mundo de futebol de praia.

Fonte: www.record.pt

Reportagem SIC

 

Por que é tão especial Cristiano Ronaldo?

 

 

Por que se chama Ronaldo?

 

 

Brincas, não?

 

 

Toda a merda fala de Ronaldo?

 

 

Publicidade

 

 

Ronaldo na wikipedia

 

publicado por RiViPi às 02:23

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


comentários recentes
Sou filho de mãe portuguesa e de pai brasileiro te...
Maravilhoso!!! Parabéns pelo artigo. Me ajudou mu...
Caco de Castro Quando a marca Garbin vai voltar???
que vídeo e esse fdp
ne, esse vagabundo n fala nada que presta fdp vf45...
Excelente texto! Por mais que existam rusgas entre...
idiotas vagabundos
Achei muito bom ,muito bem explicado ,legal ,parec...
Pura beleza e força
Interessante, obrigado por partilhar, Luisa
Adorei,Alexandra
Mas vamos deixar esta questão para um futuro próxi...
O que é que acha que lhe faz pensar que ao reduzir...
Parece que o sabão azul e branco já passou à histó...
olá a todos! adorei...mesmo! já agora deixo aqui u...
Do meu ponto de vista não será a forma mais adequa...
Não agradeça. Sobretudo porque este livro não foi ...
foi um artigo que eu gostava. Obrigado por compart...
muito obrigado para o livro. realmente não pensav...
Um comentário interessante ....!
Cara Rosa, lamento que o vídeo não a tenha ajudado...
Boa noite, após muito procurar vim ter aqui nem se...
Gosto especialmente do Tony Amado. O que mais me i...
Kuduro underground . Uma verdadeira relíquia. Mais...
Imagino... Quando estiveres a ouvir as doze badala...
Tenho saudade de Portugal e estas fotos sao tao bo...
Obrigado pelo comentáro.
Muito bom este texto! E engraçado também!
Mais uma vez em cima do acontecimento, embora ache...
Compreendo o seu ponto de vista, TijoloAzul. A Lín...
Na vida nem 8 nem 80. Concordo que o exces...
Obrigado pela correção! Participe sempre!
Por favor, substitua "agricula" por AGRÍCOLA
Alegro-me. Volte sempre e participe.
Enquanto responsável da empresa fico satisfeito pe...
Não tem que agradecer, Ricardo. Quer partilhar a r...
Obrigado pelo post que colocou no seu blog. Felici...
Obrigado pelo teu comentário, Isactamente. Já um p...
Adoro Dulce Pontes!!!!!Em particular, o Amor a Por...
http://www.correiodamanha.pt/noticia.aspx?contenti...
Obrigado pelo reconhecimento. Quando é que entrega...
Olá!É com todo o gosto que informamo-lo que tem u...
Olhe lá. Quer ensinar o pai a fazer filhos? Ou pag...
Não tenho por hábito responder e, às vezes, aceita...
Também esta citação a Irondino de Aguilar foi toma...
Naturalmente, falta referir que o fragmento referi...
Obrigado pelo seu comentário, Fernanda. Realmente ...
Absolutamente notável este post, sobre um tema que...
E maneiras não existem! Vê lá se te atinas anónimo...
lol Não te iria enganar 6! Tá previsto até um almo...
Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar
 
links
blogs SAPO